Rinológica (Nariz) e da Base de Crânio

Cirurgia Endoscópica Nasossinusal

Trata-se de um procedimento cirúrgico que é realizado através das narinas com o auxílio de um endoscópio rígido, acoplado a um sistema de vídeo (videocirurgia endoscópica). Permite a abordagem cirúrgica mais precisa das estruturas nasais e dos seios da face.

A cirurgia endoscópica endonasal é utilizada principalmente para tratamento da sinusite crônica, com ou sem polipose nasal. Pode ser empregada ainda para tratar outras lesões nasossinusais como tumores, fístulas liquóricas e para controle de epistaxes (sangramento nasal) severas, entre outros (obstrução das vias lacrimais, oftalmopatia de Graves, tumores de hipófise, malformações nasossinusais).

São realizadas em geral de forma ambulatorial (alta no mesmo dia), apesar de serem mais longas (3 a 4 horas) e tecnicamente complexas. Os cuidados pré e pós-operatórios são fundamentais para o resultado cirúrgico.

Utilizamos o  endoscópio mesmo para algumas cirurgias nasais mais simples, como Septoplastia e Turbinectomia (correção do desvio de septo com retirada parcial dos cornetos). O endoscópio permite uma melhor visualização da região posterior das fossas nasais e um controle melhor do sangramento, o que possibilita, na grande maioria dos casos, que o paciente saia da cirurgia sem tampão nasal. Isto ocasiona um conforto pós-operatório muito maior para o paciente e, só este motivo, para mim já é suficiente para justificar o uso do endoscópio.